Entrevista

O executivo conta que, com a crise sanitária e as medidas de isolamento, o número de entregas da empresa saltou de dois milhões para dez milhões

"Referente à escassez de contêineres, o problema ainda persiste e vai demorar um pouco para ser regularizado pela alta demanda a nível mundial de cargas e temas operacionais", pontua o ...

"Para 2022, as expectativas são ainda mais positivas e com previsão de que este bom momento dure muitos anos", afirma

Não compensa nacionalizar as peças porque o volume de produção ao redor de 100 mil caminhões por ano não garante retorno dos investimentos. O que é possível a empresa nacionaliza.

“As novas tecnologias disponíveis estão impulsionando a logística online e permitindo um comércio mais inteligente, com mais eficiência em toda a cadeia de suprimentos, maior visibilidade e transparência”, acredita a ...

Entre os meses de junho e julho deste ano, a empresa vai ampliar a produção no Brasil para suprir a demanda crescente dos segmentos de caminhões, ônibus, agrícola e off-road

"Em plena pandemia, a Fusion angariou mais de 120 novos clientes e cresceu 60% em seu faturamento recorrente ao longo de 2020, tais números demonstram a importância e necessidade do ...

No ano passado, 11% dos financiamentos foram para ônibus, que teve 85% das operações por meio do Finame; 80% foram para caminhões e 9% para equipamentos de construção

Transporte Moderno – Qual a expectativa do Banco Volkswagen para 2021? Eduardo Portas – O Banco Volkswagen prevê um horizonte melhor a partir do segundo semestre e início de 2022, ...

O executivo afirma que o cenário é incerto para o mercado de ônibus, por ter sido o mais afetado pela pandemia