Venda de caminhões usados cresce em junho, apesar da queda no semestre

O avanço reflete um cenário de recuperação parcial do mercado de veículos comerciais usados, que, apesar das flutuações mensais, ainda enfrenta desafios para igualar os resultados do ano passado

O mercado de caminhões usados apresentou um crescimento de 7,2% em junho na comparação com maio deste ano e um aumento de 3,6% em relação a junho de 2023. No entanto, no acumulado do primeiro semestre de 2024, houve uma ligeira queda de 1% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com dados recentes do setor. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave)

O mercado de caminhões usados apresentou um crescimento de 7,2% em junho na comparação com maio deste ano e um aumento de 3,6% em relação a junho de 2023. No entanto, no acumulado do primeiro semestre de 2024, houve uma ligeira queda de 1% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com dados recentes do setor. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave)

Esses números refletem um cenário de recuperação parcial do mercado de veículos comerciais usados, que, apesar das flutuações mensais, ainda enfrenta desafios para igualar os resultados do ano passado. A demanda por caminhões e implementos rodoviários usados segue aquecida, impulsionada por fatores como a necessidade de renovação de frotas e o crescimento de setores específicos da economia que dependem do transporte rodoviário.

Implementos rodoviários

A venda de implementos rodoviários usados também registrou alta em junho, com avanço de 3% sobre maio. Contudo, ao comparar com junho de 2023, houve uma retração de 7,9%. No acumulado do semestre, o desempenho dos implementos rodoviários usados indicou estabilidade em relação ao ano anterior.

Veja também

Por