JAC lança furgão E-JV 5.5 totalmente elétrico

As primeiras entregas do novo modelo, que tem 300 km de autonomia, estão programadas para novembro, mas as vendas começam agora

A JAC Motors apresenta seu décimo modelo totalmente livre de emissões no mercado nacional, o furgão E-JV 5.5, com foco nas entregas urbanas, especialmente no transporte de compras feitas on-line.

“Esse segmento tem crescido muito no Brasil desde o início da pandemia. O consumidor acostumou-se a realizar compras online e quer receber rapidamente sua encomenda em casa. Por isso, escolhemos um veículo com amplo volume de carga, em um total de 5,5 m3, que é ágil nos deslocamentos urbanos e pode ser conduzido por qualquer motorista, sem restrições de circulação nos centros expandidos de grandes cidades. Tudo isso sem contar a excepcional economia no custo por km rodado à transportadora, justamente por ser 100% elétrico”, resume Sergio Habib, presidente do Grupo SHC e da JAC Motors Brasil.

O novo furgão conta com torque imediato de 295 Nm (30,1 kgfm) e 204 cv de potência, e é equipado com uma bateria de 50,2 kWh de capacidade. O E-JV 5.5 tem volume de 5,5 m³ de carga, 805 kg de carga útil e robustez aliados a 300 km de autonomia – essa razão ultrapassa os 350 km com o ECO ligado (aumenta a regeneração de carga nas desacelerações e nas frenagens) e o ar-condicionado desligado.

Segundo a JAC, para recarregar os 50,2 kWh, o proprietário do E-JV 5.5 vai gastar cerca de R$ 30, considerando o custo médio de energia elétrica no estado de São Paulo, que é de R$ 0,60/kWh. Como o modelo da JAC percorre 300 km após esse investimento em uma recarga, o modelo gataria R$ 0,10 (dez centavos) por km rodado.

A JAC informa que o modelo também tem menos gastos com manutenção, pois dispende um valor seis vezes menor que as concorrentes nas despesas com revisões, todas com o mesmo porte movidas a diesel no país. Lembrando que o modelo livre de emissões da JAC Motors não possui câmbio, embreagem, bicos injetores, bomba de injeção, óleo, filtros, catalisador, correias.

O E-JV 5.5 possui direção assistida, ar-condicionado, vidros, trava central e retrovisores com acionamento elétrico, regulagem de altura do volante, função Auto Hold, rodas de alumínio de 15 polegadas, sensor de estacionamento traseiro, luzes de neblina dianteiras e traseiras e TPMS (sensor que acusa baixa pressão dos pneus). “O ambiente na cabine é de um carro de passeio”, destaca Habib.

Outro diferencial do JAC E-JV 5.5 reside no kit multimídia com tela de 10,25 pol, que irá facilitar, e muito, o trabalho do motorista, por ser dotado com o pacote Google e permitir espelhamento para telefone celular por bluetooth (sem uso de cabo). Bastará que o motorista baixe o Waze ou o Google Maps pela Play Store e programe o próximo endereço para que a informação seja espelhada na tela do multimídia. O equipamento também inclui câmera de ré.

“No segmento de veículos comerciais, o novo modelo será o mais vendido, visto que o segmento está em franca expansão no país e o posicionamento de preços que criamos é bem agressivo. Estimamos cerca de 50 unidades por mês”, diz Habib.

Habib também destaca as vantagens ambientais do veículo. Uma van movida a diesel que rode, hoje, 40 mil km por ano, emite cerca de 20 toneladas de CO² no período. “São 200 toneladas para cada veículo num prazo de dez anos. A introdução dessa van 100% elétrica da JAC na frota das empresas de entregas urbanas consiste na anulação dessa gigantesca emissão de carbono”, enfatiza.

O procedimento de recarga é rápido. Se o veículo estiver com 20% de carga, o uso de um wallbox de 7 kWh vai dispender pouco mais de 6h30 para se atingir os 100%. Vendida por R$ 314.900, a JAC E-JV 5.5 começa a ser entregue aos primeiros clientes em novembro.

Por