Grupo Latam reduzirá emissão anual de CO² com novo software da Airbus

A empresa vai instalar o software atualizado em seus 200 aviões da família A320 entre o fim deste ano e o início de 2022 e com isso reduzirá em mais de 60 mil toneladas a emissão anual de CO²

Com a instalação do novo software atualizado pela Airbus em seus 200 aviões da família A320 (modelos A319, A320 e A321) entre o final deste ano e início de 2022, o Grupo Latam pretende reduzir em mais de 60 mil toneladas a emissão anual de CO², se mantendo alinhada ao seu compromisso com a sustentabilidade, que busca compensar 50% de suas emissões domésticas até 2030 e ser carbono neutro até 2050.

Com isso, a companhia não somente terá a maior frota do mundo equipada com a solução, mas, anualmente, cada aeronave com DPO (Descent Profile Optimisation) atualizado – sistema dedicado a melhorar a trajetória de pouso das aeronaves – reduzirá em 300 toneladas a emissão de CO² e em 100 toneladas o consumo de combustível. A iniciativa, segundo a Latam, reforça a agenda de sustentabilidade da companhia que está focada em quatro pilares: mudanças climáticas, gestão ambiental, economia circular e valor compartilhado.

A função DPO da Airbus permite que a aeronave desça da altitude de cruzeiro utilizando apenas o impulso do motor em marcha lenta, o que reduz o consumo de combustível. Além disso, mantém a aeronave mais tempo em nível de cruzeiro, pois não inicia a sua descida tão cedo. Em consequência, minimiza a duração do voo em um estágio ineficiente da descida, quando os motores da aeronave precisam gerar impulso para manter o seu nivelamento em ar denso antes da aproximação final para o pouso.

O grupo possui uma frota de aeronaves Boeing 767, 777, 787, Airbus A321 A320, A320neo e A319. A Latam Cargo Chile, Latam Cargo Colômbia e Latam Cargo Brasil são as afiliadas de carga do grupo Latam, que além de terem acesso aos porões de aeronaves de passageiros do grupo, contam com uma frota conjunta de 11 aeronaves cargueiras, que será ampliada gradualmente até totalizar 21 aeronaves cargueiras em 2023.

Por