American Airlines e Gol firmam parceria comercial

Com a liberação do Cade, os benefícios para os clientes que viajam entre Brasil e Estados Unidos devem ser imediatos, como o acesso à ampla malha de destinos nos dois países

A American Airlines e a Gol Linhas Aéreas obtiveram do Cade (Conselho Brasileiro de Defesa Econômica – Autoridade da Concorrência) a aprovação da parceria comercial entre as operadoras.

Segundo as empresas, os benefícios para os clientes que viajam entre Brasil e Estados Unidos devem ser notados de imediato, como o acesso à ampla malha de destinos nos dois países, também facilitado a países da América Latina, aumentando as opções de codeshare (anunciado em 2019). Isso acontecerá especialmente por meio do FFP (Frequent-Flyer Program) no Smiles ou dos programas de fidelidade AAdvantage da American.

Para as companhias aéreas, o acordo permite ações de incentivo com agências de viagens parceiras de forma a maximizar os serviços tanto no canal corporativo quanto na participação conjunta em eventos de promoção turística, com o objetivo de aprimorar e tornar ainda mais eficazes os serviços e a governança.

“A evolução do acordo trará ainda mais sinergias para ambas as empresas, que têm serviços e malhas aéreas complementares, além de criar mais oportunidades para iniciativas conjuntas que buscam estimular as viagens aéreas entre os dois países”, afirma Alexandre Cavalcanti, diretor regional de vendas da American Airlines para o Brasil.

“A Gol considera essa aprovação um importante passo para a recuperação internacional, trazendo mais produtos, serviços e inovação para o corredor aéreo EUA-Brasil, além da melhor conectividade e experiência do cliente em nossos principais hubs”, afirma Randall Saenz Aguero, diretor de alianças, expansão internacional e distribuição da Gol.

Por