DAF Caminhões apresenta a nova linha CF

Marca quer continuar a crescer no Brasil e traz o novo modelo CF nas versões rodoviárias 4×2 e 6×2, rígido 8×2, e off road 6×4, com motor Paccar MX11 que trabalha em potências de 410 cv e 450 cv

A nova linha de caminhões pesados DAF CF começa a ser produzida no Brasil, com um design diferenciado, mais tecnologias de segurança e equipado com o motor Paccar MX11, de 10,8 litros que, segundo o fabricante, garante maior eficiência e economia de combustível de 15% se comparada à versão anterior. A linha fora de estrada, destinada ao agronegócio, conta com o motor Paccar MX13, o mesmo que integra a recém-lançada linha XF.

“A chegada do novo CF é mais um marco na nossa história no Brasil, renovando totalmente o line up da DAF no país. Somado a isso, estamos ingressando em um novo segmento, de caminhões rígidos, voltados a operações rodoviárias e distribuição, permitindo a expansão da nossa participação no mercado nacional. Em 2020, crescemos 38% no segmento acima de 40 toneladas, com 8,2% em comparação ao ano anterior e vamos manter a curva de crescimento da marca em 2021”, afirma Lance Walters, presidente da DAF Caminhões Brasil.

A nova linha CF chega às concessionárias em maio e deverá estar disponível para os clientes no segundo semestre. Atualmente, 12,5 mil caminhões da marca circulam pelo país. Com a expectativa de que o mercado brasileiro de caminhões cresça em 25%, a DAF que aumentar sua base de clientes em 30% neste ano.

Em 2021, a DAF também expandirá sua rede de concessionárias em 23%, passando de 44 para 54 os pontos de revenda, atuando em todas as regiões do país. O programa de contratos de manutenção Multisuporte foi renovado para atender às necessidades dos transportadores e dos novos modelos, passando a oferecer quatro novos tipos de contratos para melhorar a gestão da frota: óleos e filtros, óleos e filtros plus, preventivo e pleno.

“Estamos confiantes em relação a 2021, mesmo com todos os desafios consequentes da pandemia. No ano passado, registramos meses com recordes de vendas, ampliamos nossa rede, lançamos o novo XF e crescemos 38% no segmento acima de 40 toneladas, em comparação a 2019, sendo a única montadora de pesados a crescer. O market share da marca nesse segmento passou de 6,2% em 2019, para 8,6% em 2020. E ainda há muito espaço para nós aumentarmos os nossos volumes de vendas e participação de mercado”, afirma Luis Gambim, diretor comercial da DAF Caminhões Brasil.

Modelos-

A versão rígida do CF, em configuração 8×2, conta com o novo motor Paccar MX11, de 410 cv, e transmissão automatizada ZF TraXon de 12 velocidades. O motor PACCAR MX11 é fabricado em Ponta Grossa, no Paraná, e tem 10,8 litros e seis cilindros, que entrega potência de 410 cv, com um torque de 2.100 Nm em 900 rpm, se tornando o mais potente do segmento.

O novo DAF CF rígido possui segundo eixo direcional e o maior entre eixos da categoria, com 6.400 mm, o que o torna ainda mais versátil. Sua capacidade técnica é de 45 toneladas, sendo ideal para operações de baú, sider, contêiner e prancha. O novo modelo traz como opcional o conjunto de suspensão pneumática com regulagem de altura, modelo Full Air, juntamente com o sistema de freios a disco. A suspensão mecânica e os freios a tambor estão disponíveis na linha de entrada.

O modelo será comercializado com duas opções de cabine, a Sleeper e a Space, ambas com cama, sendo a Space a maior da categoria, com 2,23 de altura interna. O assistente de performance do condutor mostra em tempo real se a direção está sendo conduzida de maneira eficiente, indicando melhorias para diminuir o consumo de combustível. O controle de cruzeiro adaptativo controla automaticamente a velocidade do caminhão para que ele sempre mantenha uma distância segura do veículo que está à sua frente. O modelo ainda possui aviso de colisão frontal, sistema de frenagem de emergência, alerta de saída de faixa e controle de estabilidade. O motorista pode ainda, dentro da cabine, verificar o nível de pressão dos pneus.

“O novo CF traz muitos itens de segurança do nosso carro-chefe, o Novo XF. A soma destes dispositivos, com o trabalho excepcional do conjunto mecânico, faz do Novo CF um caminhão muito econômico, robusto, seguro e confortável. Este é um conjunto de qualidades inédito nesta categoria, elevando o patamar do segmento de rígidos no Brasil”, diz Jarno Broeze, diretor de desenvolvimento de produto da DAF Caminhões Brasil.

Os modelos rodoviário e off road contam com novos chassis, conjunto mecânico, design e tecnologias de segurança e conforto para o motorista.  O CF rodoviário, 4×2 ou 6×2, vem equipado com o novo motor Paccar MX11, com potências de 410 cv ou 450 cv. Já a linha off road é equipada com o Paccar MX13, o mesmo do XF, com potência de 480 cv e redução nos cubos. A linha fora de estrada é voltada principalmente para operações de cana e madeira.

Aplicações pesadas

A versão fora de estrada, oferecida na versão 6×4 com redução nos cubos (5,41:1 ou 4,55:1), foi concebida para proporcionar ainda mais robustez e resistência do que a versão rodoviária. O motorista conta também com sistema dual drive de direção, permitindo uma melhor troca de marchas em terrenos de baixa aderência. O assistente de partida em rampa é outro diferencial que confere segurança em saídas com o caminhão em aclives, mesmo carregado.

O freio motor é o Paccar MX, de três estágios e potência de 490 cv, trazendo mais segurança e eficiência, além de trabalhar com nível menor de ruído. O chassi foi totalmente reforçado para atender a operações severas de cana e madeira, com PBT de 125 toneladas. Os módulos e conectores selados, evitando contaminação por pó ou sujeira na operação.

A suspensão traseira, herdada da versão anterior, tem capacidade para 26 toneladas. A quinta roda também ganhou reforço, projetada para pino rei de 3,5 polegadas. Pensando em evitar contaminação pelo cano de escape, o escapamento da versão fora de estrada pode ser adquirido na opção vertical.

O novo CF off road conta com para-choque tripartido e em aço galvanizado, facilitando a sua eventual manutenção. A nova frente também cria uma identidade visual diferente do restante da linha CF, trazendo um aspecto ainda mais robusto. O modelo ganhou reforço na proteção do cárter, que se estende desde a frente até o final do cárter. O ângulo de ataque está maior (23 graus), garantindo ainda mais proteção na condução do caminhão. Com relação às características de segurança, o CF off road também compartilha das tecnologias da versão rodoviária.

Por