Hungria compra dois aviões multimissão da Embraer

As aeronaves de nova geração KC-390 Millennium, na configuração de reabastecimento aéreo (AAR), começam a ser entregues em 2023

A Embraer informa que o governo Húngaro assinou contrato para a aquisição de duas aeronaves de transporte multimissão de nova geração C-390 Millennium, na configuração de reabastecimento aéreo (AAR), designado KC-390. As entregas estão programadas para começar em 2023.

A aquisição é parte do processo de fortalecimento das Forças Armadas da Hungria, especificamente nas funções de transporte aéreo tático, AAR e evacuação médica, bem como em outras missões de interesse público. Neste contrato inclui o treinamento de pilotos e técnicos e outros serviços e suporte.

“Estamos honrados por termos sido selecionados pelo governo Húngaro e pelas Forças Armadas da Hungria para fornecer a aeronave de transporte multimissão mais avançada disponível no mercado”, disse Jackson Schneider, presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança.

“A Hungria é a segunda nação europeia e membro da OTAN a selecionar o C-390 Millennium, uma aeronave altamente capaz que oferece excelente produtividade por meio de combinação incomparável de velocidade, carga útil e reconfiguração rápida para operações multimissão.”

O KC-390 para as Forças Armadas da Hungria será o primeiro do mundo com a opção de configuração para unidade de terapia intensiva, recurso essencial para o desempenho de missões humanitárias. A aeronave atende plenamente aos requisitos das Forças Armadas da Hungria, podendo realizar diversos tipos de missões militares e civis, incluindo apoio humanitário, evacuação médica, busca e resgate, transporte de carga e tropas, lançamento de carga de precisão, operações de paraquedistas e AAR.

Estes KC-390 são totalmente compatíveis com as operações da OTAN, não apenas em termos de hardware, mas também em sua configuração de aviônica e comunicações. Além disso, o sistema de reabastecimento do KC-390, de sonda e cesto, permite à aeronave reabastecer o JAS 39 Gripen húngaro, bem como outras aeronaves que usam a mesma tecnologia.

“Estamos adquirindo uma frota de transporte multimissão para que as Forças Armadas da Hungria cumpram, de maneira soberana, a mais ampla gama de tarefas no âmbito nacional”, disse Gáspár Maróth, comissário do governo para o desenvolvimento da Defesa.

O C-390 Millennium está totalmente operacional e, desde o recebimento da primeira aeronave, em 2019, a Força Aérea Brasileira utilizou o avião em diversas missões críticas no Brasil e no exterior com alto grau disponibilidade. Adicionalmente, o governo de Portugal assinou um contrato para a aquisição de cinco C-390 Millennium em 2019 que se encontram atualmente na linha de produção e estarão em serviço em 2023.

O C-390 é um jato de transporte tático projetado para estabelecer novos padrões em sua categoria. Alguns dos pontos fortes da aeronave são a mobilidade, design robusto, maior flexibilidade, tecnologia comprovada de última geração e manutenção mais fácil. O C-390 Millennium e a variante KC-390 voam mais rápido e carregam mais carga e são as plataformas ideais para os principais cenários de utilização.

Por